fbpixel
Etiquetas:, ,
0
(0)

Diversos microcontroladores como o NodeMCU ESP8266 podem ser programados com a IDE do Arduino. As placas Arduino são poderosas e muito convenientes para aprender e executar projetos, com uma enorme comunidade de apoio. Ainda assim, seja por alguma necessidade específica ou por simples preferência, outros microcontroladores podem vir a ser utilizados (como o NodeMCU, o Feather da Adafruit ou o ArduCam ESP32S), alguns muito potentes, outros muito específicos ou muito conectados.

A forma de configurar a IDE do Arduino é semelhante para essas diferentes placas. Neste artigo, veremos o procedimento para configurar e programar estes microcontroladores.

Este tutorial pode ser usado para qualquer microcontrolador ESP8266, nomeadamente:

  • NodeMCU ESP8266 V2 Amica
  • NodeMCU ESP8266 V3 Lolin
  • Wemos D1 Mini

Instalar os drivers no computador

Em geral, um novo dispositivo instala os seus drivers na primeira conexão. Quando isso não ocorre, é possível, como para o NodeMCU, que o dispositivo não seja reconhecido. Há duas grandes famílias de drivers no mundo Arduino:

  • CP2102
  • CH340

Neste caso, existem dois métodos para obter os drivers. O primeiro é encontrá-los na internet e fazer o download (NodeMCU drivers e CP2102).

O segundo é usar o gerenciador de dispositivos. Os microcontroladores ligados ao computador podem ser encontrados na aba “Portas (COM e LPT)”.

Faça um duplo clique sobre o dispositivo para abrir a janela de propriedades. Na aba “Driver”, encontrará a opção de “atualizar o driver”.

Selecione a opção “Buscar driver automaticamente”.

Uma vez instalado o driver, já é possível comunicar com o dispositivo.

Adicionar gerenciadores JSON

Para poder programar outros microcontroladores com a IDE do Arduino, ele precisa conhecer as respectivas configurações. No Arduino, é possível instalar gerenciadores de placa contendo todas as ferramentas necessárias para a sua programação. Para obter os gerenciadores, devemos encontrar o URL correspondente. No caso do NodeMCU ESP8266, http://arduino.esp8266.com/stable/package_esp8266com_index.json

Obs: Se encontrar problemas de compilação, verifique se há uma versão anterior do ESP8266 instalada . Se for o caso, apague-a manualmente (C:\Users\<USERNAME>\AppData\Local\Arduino15\packages\esp8266\hardware\esp8266).

Depois, abra a janela Arquivo > Preferências do software Arduino. Na parte inferior da página, há uma caixa de texto para introdução do URL: “URL de gerenciador de placa adicional” (não se esqueça de separar os URLs com uma vírgula “,”)

Instalação dos gerenciadores

Na aba “Ferramentas”, siga o caminho “Tipo de Placa > Gerenciador de Placa”. A IDE irá carregar o catálogo de placas a partir do URL.

Ao procurar o microcontrolador na barra de busca, o pacote a ser instalado deverá aparecer.

Selecione a configuração

Depois de instalado o pacote de gestão, o microcontrolador deverá aparecer nas opções de tipo de placa.

  • Para o NodeMCU ESP8266 (V2 e V3), selecione”NodeMCU 1.0 (Módulo ESP-12E)
  • Para WEMOS D1 Mini, escolha “LOLIN(WEMOS) D1 R2 & mini “.

Em seguida, é preciso conhecer as características da sua placa para escolher as configurações adequadas (muito embora as configurações padrão devam funcionar sem problemas, salvo exceções).

Fontes

Retrouvez nos tutoriels et d’autres exemples dans notre générateur automatique de code
La Programmerie

How useful was this post?

Click on a star to rate it!

Average rating 0 / 5. Vote count: 0

No votes so far! Be the first to rate this post.

As you found this post useful...

Follow us on social media!

We are sorry that this post was not useful for you!

Let us improve this post!

Tell us how we can improve this post?