Etiquetas:, ,
0
(0)

A linguagem mais utilizada no Raspberry Pi é a Python. Contudo, por tratar-se de um microcomputador, o Raspberry PI pode ser utilizado com outras linguagens. Se conhece a linguagem C/C++ (se veio do universo do Arduino, por exemplo) e não quer aprender uma nova linguagem de programação, pode optar por comandar o Raspberry Pi em linguagem C/C++. Neste tutorial, veremos como comandar as entradas/saídas do microcontrolador em C e como programar o Raspberry PI como um Arduino.

Equipamento

  • Raspberry Pi3 (ou Zero) + monitor + teclado
  • 2 x Cabos Dupont F/F
  • 1 x LED

Uso do Geany

O Raspberry Pi é fornecido com o software Geany, que permite executar o programa diretamente na placa. Para escrever o programa em C ou em C++:

  • Abra o Geany
  • Crie um novo ficheiro
  • Em Documentos > Definir tipo de Ficheiro > Linguagens de Programação> Seleccione Ficheiro Fonte C ou C++

Copie o código a seguir:

#include <iostream>
using namespace std;

int main(int argc, char **argv)
{
  cout<<"Hello World" << endl;
  
  return 0;
}

Os programas em C++ devem ser compilados antes de serem utilizados. No menu “Build” seleccione “Build”, ou aperte diretamente F9, para compilar o programa. Em seguida, em “Build” seleccione “Execute”, ou dê F5, para lançar o programa.

A frase “Hello World” deverá aparecer no terminal que se abre no ecrã.

Programe o seu Raspberry Pi como um Arduino

Instalação da biblioteca WiringPi

Há uma biblioteca para administrar as entradas/saídas do Raspberry Pi como as do microcontrolador Arduino: a wiringPi.h.

Verifique se a biblioteca está instalada digitando os comandos a seguir em um terminal:

gpio -v
gpio readall

Se um erro aparecer, actualize a sua instalação do Raspbian:

sudo apt-get update
sudo apt-get upgrade

Copie o repertório GIT:

cd
git clone git://git.drogon.net/wiringPi

Para compilar a biblioteca, digite:

cd ~/wiringPi
./build

Esquema de ligação

A biblioteca WiringPi emprega a sua própria numeração dos pinos GPIO:

Encontre esta configuração digitando o comando

gpio readall

Código básico para acender um LED com o Raspberry Pi

Após instalar a biblioteca, poderá escrever o seu programa como se fosse para um Arduino, usando também a função main() e as bibliotecas básicas incluídas.

#include <iostream>
#include <wiringPi.h>
using namespace std;

int ledPin = 29;  //Correspond à la pin 40

void setup() {

  pinMode(ledPin, OUTPUT);
  cout << "Hello World" << endl;
}

void loop() {
  digitalWrite(ledPin, HIGH);
  delay(100);
  digitalWrite(ledPin, LOW);
  delay(100);

  cout << "Blink the LED" << endl;
}

int main(void)//(int argc, char **argv)
{
  if (wiringPiSetup() < 0) {
    cout << "setup wiring pi failed" << endl;
    return 1;
  }
  setup();
  while (1) {
    loop();
  }

  return 0;
}

Para que a compilação funcione no Geany, vá ao menu Build>Set Build Commands, e na caixa Command que corresponde a Build, digite: g++ -Wall -o “%e” “%f” -|wiringPi. Assim o programa poderá compilar e executar-se corretamente.

Atenção: Algumas bibliotecas da IDE do Arduino não são compatíveis com o Raspberry Pi.

Fontes

Retrouvez nos tutoriels et d’autres exemples dans notre générateur automatique de code
La Programmerie

How useful was this post?

Click on a star to rate it!

Average rating 0 / 5. Vote count: 0

No votes so far! Be the first to rate this post.

As you found this post useful...

Follow us on social media!

We are sorry that this post was not useful for you!

Let us improve this post!

Tell us how we can improve this post?